O Firefox está sendo passado para trás?

     Dados coletados e transformados em um gráfico revelam que o navegador Mozilla Firefox está cada vez perdendo a sua popularidade diante do mundo, tendo assim, interpretados por alguns como a futura falência de um dos maiores navegadores criados em toda vida da internet.

   De acordo com uma pesquisa realizada durante 3 anos pelo sitete ExtremeTech, o navegador está indo de mal para pior, ao contrário do Google Chrome e Internet Explorer que estão cada vez subindo na popularidade.

    Segundo o artigo citado no site, o navegador da raposa que já foi um dos mais usados, teve uma grande parte cortada e reduzida em quase um terço em sua popularidade, de aproximadamente 30% em Outubro de 2009, o navegador passou a ter cerca de 20% atualmente

   De acordo com o texto publicado, por vista geral, a recaída do Mozilla Firefox pode ser explicado por duas maneiras claras e complexas:
 A primeira maneira é que o navegador esteja perdendo de acordo com a velocidade, recursos, entre outros, para o Google Chrome (navegador oficial do Google). A segunda maneira é que como o mundo está tendo mais novas pessoas, ou seja, explicando o crescimento de cada vez mais o número de internautas no mundo, o navegador do Mozilla Firefox não estaria mais agradando a seus usuário, tendo que, mesmo assim, sendo um dos mais aconselhados por amigos ou parentes. E a terceira, é que a recaída pode está sendo é a falta de propagandas, explicada pela Mozilla pois eles falam que são uma organização sem fins lucrativos, e esse requisito não é aplicado ao Google Chrome, por exemplo, pois de acordo com outra pesquisa e por todos os usuários é um dos navegadores que ultiliza muitas propagandas.
Firefox market share trend
Gráfico de estatísticas de Junio de 2009 há Fevereiro de 2012 | Fonte de Imagem: Extremetech


Levou o Firefox mais de quatro anos ao prêmio 20% do mercado do Internet Explorer; Chrome fez em quase metade disso, e está se aproximando rapidamente de 30% em pouco mais de três anos. Gráfico do Internet Explorer é um pouco mais difícil de interpretar, mas parece que ele poderia ter finalmente virou a esquina e parou a hemorragia quota de mercado.



   Mais para todos os usuários e fãs da raposa, esperamos que a Mozilla consiga se superar e voltar como um dos mais escolhidos por todos os usuários internautas.

Comentários